Notícias

Caderno apresenta experiências agroecológicas de mulheres no sertão do São Francisco

O Caderno de experiências agroecológicas de mulheres no sertão do São Francisco é fruto de um trabalho realizado pelo Sasop (Serviço de Assessoria a Organizações Populares Rurais), por meio de um projeto de inclusão social e desenvolvimento sustentável na região do sertão do São Francisco. Executado nos municípios baianos Campo Alegre de Lourdes, Casa Nova, Pilão Arcado e Remanso, em parceria com a União Europeia e 12 organizações locais, durante 4 anos (2010-2013), aproximadamente 5.500 pessoas foram envolvidas diretamente com o projeto. O público vai desde mulheres e jovens até conselheiros municipais e estaduais, abrangendo diversos programas governamentais.

A publicação traz algumas das diversas experiências agroecológicas desenvolvidas por mulheres agricultoras, pescadoras e jovens com apoio do projeto na região. As atividades dos agricultores vão desde a criação de caprinos até a instalação de cisternas e a promoção da segurança alimentar. O propósito da iniciativa é dar visibilidade às ações das famílias para que sirvam de referência, mostrando a viabilidade da vida em convivência harmônica com o semiárido e a possibilidade de desenvolver as pessoas e suas comunidades de forma justa economicamente e ambientalmente sustentável.

O Sasop é uma organização da sociedade civil que desde 1989 vem contribuindo para assegurar a agricultores e agricultoras uma melhor qualidade de vida no campo. Algumas das principais estratégias de intervenção são o desenvolvimento de sistemas de produção agroecológicos, o fortalecimento dos processos organizativos comunitários e a disseminação de experiência com potencial de se traduzirem em políticas públicas para o meio rural, segundo a própria organização.

Veja o Caderno de experiências agroecológicas de mulheres no sertão do São Francisco nas publicações do site do Sasop.

Dexe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.